Cadastramento do PIS pela internet

Categoria: Abono Salarial, Benefícios, PIS

  

A responsabilidade é da empresa cadastrar o funcionário no programa, caso ele já não tenha um número de inscrição cadastrado.

Para conseguir efetuar o cadastramento do PIS pela internet, é necessário que as empresas interessadas façam através do site da Caixa Econômica Federal. Nele estão disponíveis informações sobre as etapas do cadastramento e as vantagens oferecidas pelo programa de integração social.

O PIS/PASEP é um programa de integração social que fornece ao trabalhador uma quantia para complementar sua renda. A colaboração é uma forma das empresas garantirem vantagens para seu funcionário, servindo como uma assistência financeira ao trabalhador. Profissionais com mais de 5 anos cadastrados no programa e que recebem até 2 salários mínimos, têm direito ao abono salarial.

Em seguida ao processo de contratação, a empresa deve cadastrar o seu novo funcionário no programa, gerando o número de inscrição (caso o funcionário não tenha) e solicitando a disponibilização do Cartão Cidadão. Junto ao Cartão Cidadão, que possui o NIS (Número de Identificação Social), é disponibilizada uma senha que possibilita ao trabalhador acompanhar a situação do seu benefício através do site da CEF.

O cadastramento ao programa é um direito do trabalhador, e pode ser efetuado de duas formas diferentes: online ou em lote.



O cadastro online, como o próprio nome sugere, consiste no cadastro através do site da CEF de forma individual.

Já o cadastramento em lote possibilita que empresas efetuem o cadastro de seus funcionários de uma vez só, evitando o cadastro individual. Na maneira em lote, é necessária a geração de um arquivo para envio que a Caixa Econômica Federal irá analisar, e caso esteja corretamente preenchido, retorna uma lista com os números de PIS/PASEP incluídos e os respectivos códigos de retorno.

O cadastramento é realizado pelo empregador, mas a manutenção das informações é feita pelo próprio trabalhador. O profissional deve procurar a CEF sempre que precisar atualizar suas informações.

O número de identificação social (NIS) identifica o trabalhador para o recebimento dos benefícios sociais FGTS, seguro desemprego, abono salarial e também será utilizado para controle dos dados para aposentadoria.

Por Jean Fretta Pereira



Artigos Relacionados

Deixar um Comentário