Criação de empregos com carteira assinada – Crescimento em março de 2012



O trabalho formal no Brasil está crescendo e as estimativas continuam prevendo crescimento até o final do ano.

De acordo com dados divulgados pelo Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), o Brasil teve, em março, 111.746 postos de trabalho com carteira assinada, isso representa mais de 20% em relação ao mesmo período do ano anterior.



O setor de serviços foi o que mais gerou vagas formais, com 83.182 oportunidades. O segundo colocado no ranking foi o segmento da construção civil com 35.935 postos.

Outro dado que apresentou crescimento no Ministério do Trabalho foi o salário médio de admissão que teve 4,47% de acréscimo neste primeiro semestre do ano. Sendo que a média passou de R$ 950,91 para R$ 993,44. Os valores são baseados no INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor).



As regiões Norte, Centro-Oeste e Nordeste tiveram crescimento acima da média nos salários, sendo 6,37%, 6,22% e 5,45%, respectivamente.

Houve aumento no salário também por grau de instrução, principalmente aos que têm menor grau, ou seja, os analfabetos tiveram crescimento de salário em torno de 8% e quem tem até o quinto ano incompleto teve 7,12% de aumento.

Por Natali Alencar

Leia também:  Programa Jornalismo de Futuro 2012 - Inscrições abertas

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *