Dicas de como pedir aumento salarial ao chefe



Tem momentos na empresa que o profissional sente a necessidade de pedir um aumento salarial para o chefe, ou ter outros tipos de compensação pelo trabalho desenvolvido. A maioria dos profissionais acredita que merece uma melhor remuneração, mas como pedir esse aumento?

A consultora de transição de carreiras da Right Management Brasil, Sueli Aznar, dá algumas dicas de como o profissional pode pedir um aumento na empresa. Contudo, para fazer esse pedido o profissional precisa avaliar o seu esforço dentro da companhia e o quanto ele agrega valor para a empresa.



A primeira coisa que se deve analisar é se a organização possui plano de carreira e avaliação de desempenho. Depois de verificar esses pontos, o profissional precisa ter bom senso e concluir qual o seu esforço no trabalho. Como cumprir horários, entregar as solicitações do chefe em dia e estar presente em todas as reuniões.

Fazer o pedido é a tarefa mais difícil para o empregado. Para isso, o profissional precisa marcar uma reunião formal com o chefe para falar do seu desejo de um reajuste salarial. O argumento deve ser baseado em questões profissionais e não em dificuldades financeiras que o empregado pode estar passando.



O momento certo para se fazer a proposta de aumento salarial também é outro quesito importante para ser avaliado. O profissional não pode pedir no momento em que a empresa está passando por mudanças internas, reavaliações financeiras, fusões ou troca de gestão. O funcionário deve pedir quando a empresa estiver em um momento tranquilo e sem turbulências.

Quando o colaborador fizer o pedido de aumento, o valor de quanto será esse aumento precisa já estar em mente. Para isso, o empregado precisa pesquisar em mídias de comunicação especializada qual é o salário médio do cargo em que exerce.

É importante também que o funcionário nunca deve dizer que quer um aumento porque recebeu uma proposta melhor de outra empresa. O assunto deve ser baseado em realizações profissionais, os bons resultados de projetos e superação das metas. Há outro quesito importante: o chefe precisa estar em um “bom dia”. E caso a resposta seja um “não”, talvez esteja na hora do profissional procurar outra oportunidade que pague o real salário do cargo e da profissão em que exerce.

Por Carolina Miranda

Leia também:  Como criar um ambiente para trabalhar Home Office

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *