Saiba se você escolheu a profissão certa

Categoria: Carreira, Dicas, Empregos, Profissão, Trabalho

  

A escolha da profissão ocorre numa idade onde o jovem dificilmente tem o verdadeiro entendimento de que esta decisão poderá mudar completamente o rumo da sua vida. Em meio a tantas opções, o adolescente precisa avaliar inclusive as oportunidades e desafios que a carreira escolhida trará para sua vida. Muitas vezes o jovem acaba optando por uma profissão sem saber ao certo quais são as suas atribuições, rotinas e quais habilidades precisará desenvolver para ser bem sucedido nessa escolha.  

Algo que precisa ser considerado é que o futuro profissional está diretamente ligado com a personalidade da pessoa, isto é, nunca escolher uma carreira antes de constatar, seja por entrevistas com pessoas formadas na área, seja por meio de pesquisas na internet, que a área de conhecimento escolhida vai de encontro ao perfil do adolescente e da visão de futuro que este possui. 

Logo de escolher o caminho a seguir, o próximo passo é encontrar um emprego, um trabalho em que você possa treinar o seu conhecimento teórico desenvolvendo assim habilidades práticas.  

Logo de você estar formado e trabalhando numa empresa, possivelmente o fantasma da insegurança volte a pairar sobre você. Agora a questão é mais abrangente.  




Muitos profissionais se queixam que se bem no momento da escolha da profissão estavam certos do que queriam para os seus futuros, agora no meio do trajeto profissional começaram a questionar sobre a sua escolha. Esta situação não é privilégio de alguns, isso é muito comum que aconteça na vida das pessoas já que conforme foi dito anteriormente, o momento em que se decide a formação acadêmica é muito complicado. 

Alguns dos principais sinais que indicam que o profissional está na profissão errada são: desânimo ao acordar, sensação de tristeza, ter o salário e os rendimentos como única motivação, não sentir prazer em ir trabalhar, ter baixo desempenho, passar horas e horas em busca de outro emprego e adoecer com frequência. 

Se você reconheceu um ou mais sinais em você, reconsidere a sua escolha, faça um plano de ação que o ajude a sair desta situação. Pense em voltar à sala de aula e quem sabe finalmente achar o seu lugar no mercado de trabalho. 

Por Melina Menezes


 

Quer se cadastrar grátis no Banco de Talentos do Vaga Emprego? Clique aqui e acesse o formulário.




Deixar um Comentário