Precauções para evitar o estresse





O estresse é um dos fatores mais agravantes da agitação do dia a dia e da pressão do mercado de trabalho. Muitas vezes é ele a principal causa de demissões, separações e até suicídios. O estresse pode ser traumático, pós-traumático ou seguido de distúrbios como a síndrome do pânico.

Hoje em dia, infelizmente é mais fácil encontrarmos profissionais estressados do que calmos em qualquer área de atuação ou ramo de empresa, pois as exigências das profissões estão tornando cada vez mais as pessoas solitárias, individualistas e intolerantes. Para combater o estresse, é preciso uma série de precauções, entre elas:


1. Equilíbrio entre dispersão e concentração:

Quando estamos no ambiente de trabalho, sabemos que nos é exigido sob pressão, realizar as atividades com uma certa concentração para atingir os resultados precisos. Porém, parece que a maioria das pessoas ainda não se deu conta de que ter concentração excessiva pelas tarefas pode levar a uma crise muito séria de estresse e histeria (no caso das mulheres). É preciso tomar muito cuidado com isso e procurar, por vezes, ter curtos momentos de distrações entre as atividades. Pode ser uma conversa com aquele colega de trabalho, comer alguma coisa, olhar as mensagens no celular, assistir alguma coisa na televisão, ler jornais ou uma revista de fofoca, entre outras distrações momentâneas, apenas durante alguns minutos. É preciso, antes do mais nada, ter um equilíbrio entre concentração e dispersão, pois uma ou outra sendo exagerada pode acarretar problemas, ou seja, concentração demasiada pode gerar estresses e a falta dela também pode resultar em improdutividade.

2. Realize atividades saudáveis:


Você também pode optar por realizar atividades saudáveis fora do seu ambiente de trabalho, como por exemplo sair mais cedo do trabalho para ir buscar seu filho na escola e ir tomar um sorvete com ele, encontrar algum amigo em um happy hour, fazer compras, etc. Outra alternativa é se programar para fazer isso algumas vezes na semana. Converse com seu chefe a respeito de seus horários de trabalho, para que eles fiquem mais flexíveis para você ter a possibilidade de se distrair um pouco em prol da sua saúde psíquica no trabalho. Se for uma situação específica, ele, com certeza, irá entender.

Por Daniela Almeida da Silva



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *