Influência da crise nas carreiras ligadas ao petróleo

Geofísicos, Geólogos, Advogados de Contratos e Petrofísicos foram alguns dos cargos mais afetados com a crise no setor de petróleo e gás no Brasil. Em contrapartida, setor de exploração está com maior demanda de mão de obra em 2015.

Há alguns anos atrás a grande expectativa quanto ao mercado de trabalho no Brasil estava ligada diretamente a área de petróleo e gás. Um dos grandes motivos para isso foi a descoberta do pré-sal, bem como o grande crescimento em relação a investimentos na Petrobras. Em 2013, por exemplo, o BNDES chegou a afirmar que cerca de R$ 458 bilhões seriam destinados à exploração, produção, refino, distribuição e logística na área de petróleo e gás nos próximos quatro anos. No entanto, a atual crise que a Petrobras enfrenta fez com que muitos passassem de otimistas para pessimistas nesta área.

É importante destacar que os escândalos de corrupção que envolvem a Petrobras trouxeram consequências bastante negativas para este mercado. Um dos principais motivos foi sem sombra de dúvidas a queda nas ações da Petrobras, bem como os diversos prejuízos financeiros. Com isso, a área de petróleo e gás presenciou vários investimentos serem paralisados por tempo indeterminado, demissões em massa e uma redução significativa de 40% no valor dos contratos.

Mas não foi apenas a área de petróleo e gás que foi afetada, haja vista a operação Lava Jato também estar investigando grandes nomes do setor de infraestrutura e energia. Este setor oferece total apoio ao desenvolvimento da área de petróleo e gás e garante uma boa parcela dos postos de trabalho ligados ao petróleo.

Além dos escândalos de corrupção, também é importante ressaltar o atual cenário econômico da economia brasileira. Outro detalhe está relacionado ao preço do barril que caiu em todo o mundo.

Leia também:  Vagas de trabalho abertas na Semp Toshiba

As principais carreiras atingidas diretamente pela crise no setor de petróleo e gás no Brasil estão ligadas as duas primeiras etapas do ciclo de produção do petróleo. Ou seja, os profissionais da área de licitação e da fase sísmica enfrentam algumas dificuldades. Dessa forma, Geofísicos, Geólogos, Advogados de Contratos e Petrofísicos foram alguns dos cargos mais afetados.

Em contrapartida, a etapa de exploração está com a maior demanda por mão de obra em 2015.

Apesar da atual situação a qual este setor está inserido, é esperado que o ano de 2017 seja marcado por uma recuperação do setor. Essa expectativa é resultado deste ser um setor global e ainda assim bastante promissor.

Por Bruno Henrique

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.