Empregos Temporários Abertos no Sine

Categoria: Emprego Temporário, Empregos, Sine

  

Sine oferta 2.586 vagas de emprego temporário em diversas regiões do Brasil.

O Sistema Nacional de Emprego – SINE, anunciou recentemente a abertura de mais de 2 mil vagas de emprego temporário em todo o território nacional. De acordo com as informações divulgadas até o momento são oportunidades distribuídas entre diversas áreas de atuação. As informações são do Ministério do Trabalho e Emprego.

Quantidade de vagas oferecidas pelo SINE

Ao todo, o SINE está disponibilizando 2.586 vagas. A divisão dessas oportunidades está sendo feita da seguinte maneira: setor de serviços com 1.240 vagas, setor da construção civil com 146 vagas, setor agropecuário com 149 vagas e setor de comércio com 757 vagas.

Dentre todos os estados brasileiros, o que conta com mais oportunidades é o Rio Grande do Sul. São 780 ofertas para o estado sendo 479 para o setor de serviços, 103 para o comércio e 146 para a indústria.

São Paulo por sua vez fica com 609 vagas em aberto. Sendo que aqui as chances são apenas para o setor de serviços. O Rio de Janeiro traz 350 vagas temporárias para o setor de comércio.

Como a abertura dessas novas oportunidades de emprego está ligada a chegada do período de fim de ano, a maior parte das vagas oferecidas acaba ficando com a função de vendedor para o comércio varejista. São 508. Na sequência vamos ter atendente de lojas e mercados com 228, operador de caixa com 189, trabalhador no cultivo de árvores frutíferas com 148 vagas e operador de triagem e transbordo com 140.

Detalhes sobre o SINE

SINE é a sigla usada para Sistema Nacional de Emprego. Na realidade, esse sistema é um órgão vinculado ao Governo Federal que desenvolve suas ações sob a coordenação do Ministério do Trabalho e Emprego.

O principal objetivo do SINE é promover a intermediação entre a mão-de-obra ligando os profissionais interessados em uma das vagas de trabalho ás empresas que estão com ofertas em aberto.

O SINE conta agências abertas em todos os estados do país.

O SINE também desenvolve várias ações que estão ligadas ao mercado de trabalho que envolvem Previdência Social, Carteira de Trabalho, Identificação do Trabalhador, Requerimento do Seguro-Desemprego ou de Carteira de Trabalho, Intermediação da Mão de Obra e Apoio ao Programa de Geração de Emprego e Renda.




Como o SINE desenvolve seus trabalhos de forma descentralizada as ações acabam ficando por conta dos estados que ficam a cargo da gestão das unidades. Esse método de atuação provoca várias formas para se candidatar a uma vaga de emprego: via internet, por meio de agências físicas, cadastramento online de currículo entre outros.

Como ficam os direitos desses trabalhadores?

Mesmo que temporários, esses profissionais contarão com o mesmo direito que os funcionários que já são empregados da empresa. Isso inclui o registro na carteira além da remuneração equivalente.

A carga horária é de oito horas, há horas extras e descanso semanal remunerado.

No que diz respeito às verbas rescisórias, são pagos o saldo do salário mensal, do 13° salário e das férias que são proporcionais ao período trabalhado.

É importante lembrar aos candidatos que, para essa forma de trabalho, eles contam com uma legislação específica de contrato que, por sua vez, deve ser seguida integralmente pelas empresas e acompanhada de perto pelos empregados.

Outro aspecto importante diz respeito as novas regras que foram aprovadas no mês de março deste ano (Lei 13.429). Segundo o disposto, as empresas poderão fazer contratações de trabalhadores em um período de seis meses (180 dias).

Antes dessa lei, o período de contratação temporária podia ser feito por três meses (90 dias) sendo que poderia ser prorrogados (a contratação) por um prazo de mais 90 dias.

Para se candidatar ás vagas oferecidas pelo SINE acesse o site www.sine.com.br.

Por Denisson Soares


 

Quer se cadastrar grátis no Banco de Talentos do Vaga Emprego? Clique aqui e acesse o formulário.




Deixar um Comentário