Vagas de Emprego na Consolidar – Janeiro 2019





Consolidar seleciona pessoas com deficiência em diversas vagas de trabalho.

A Consolidar está selecionando pessoas com deficiência, em várias cidades, para ocupar as seguintes vagas de emprego:

  • Analista Contábil, em Campinas;
  • Analista Fiscal, em Campinas;
  • Ferramenteiro, em Indaiatuba;
  • Auxiliar de Produção, em São Caetano do Sul e Indaiatuba;
  • Almoxarife, em Indaiatuba;
  • Assistente Administrativo, em Osasco e na cidade de São Paulo;
  • Operador de Telemarketing Ativo, em Barueri;
  • Recepcionista, na cidade de São Paulo;
  • Operador de Caixa, na cidade de São Paulo;
  • Conferente, em Osasco;
  • Assessor de Vendas, na cidade de São Paulo;
  • Consultor Tributário, na cidade do Rio de Janeiro e na cidade de São Paulo.

Como se candidatar às vagas de emprego ofertadas?

O candidato deve acessar o site VAGAS.com.br e escolher a vaga de emprego de seu interesse. As características de cada cargo estão especificadas no site, onde o candidato tem as seguintes informações: atribuições do cargo, nível de escolaridade exigido, benefícios e horário de trabalho.




Por exemplo, para o cargo de Analista Contábil, em Campinas, as atribuições são: efetuar análise de conta e lançamento contábil para fechamento mensal, preparar relatório e lançamento contábil de débitos etc. Nível de escolaridade mínima: ensino superior em Ciências Contábeis (cursando), ou áreas relacionadas, e inglês intermediário.

Se estiver interessado em uma das vagas de emprego, o candidato precisa apenas escolher o cargo desejado e efetuar sua candidatura. Será pedido seu login e senha, caso já seja cadastrado. Do contrário, é só fazer o cadastro no site. Para isso, é importante ter em mãos os dados pessoais.


O que é a Consolidar e qual a sua importância

A Consolidar, cujo lema é “Diversidade nos Negócios”, se define assim: “A Consolidar apresenta soluções para o desafio das empresas de planejar e implementar Programas de Diversidade e Inclusão no ambiente organizacional. O trabalho é estratégico e realizado de forma integral”.

Em primeiro lugar, a Consolidar faz uma análise da empresa, para depois empreender estratégias inclusivas. A educação é a principal delas. Assim, por meio de palestras e workshops, busca-se conscientizar os funcionários da empresa acerca da diversidade e inclusão.

Em seguida, a Consolidar realiza o recrutamento e a seleção dos candidatos. O foco é a diversidade e a inclusão. O acompanhamento da Consolidar é realizado durante todo o processo. O objetivo é atender às necessidades da empresa, dos funcionários e dos candidatos.

E não para por aí. A Consolidar realiza a capacitação de profissionais com deficiência em empresas de qualquer seguimento. Dessa forma, promete uma assessoria completa para empresas que apostam no crescimento e na diversidade.

A importância da diversidade e da inclusão nas empresas

No Brasil, empresas que oferecem políticas de diversidade e inclusão são uma minoria. Portanto, as poucas empresas que fazem isso devem ser valorizadas. Essas políticas não se restringem a pessoas com deficiência, permitem que uma diversidade de pessoas possa conviver produtivamente no local de trabalho.

A “diferença” pode ser um grande passo para o sucesso. Pessoas com experiências diferentes têm pontos de vista diferentes. A “diferença” é, por conseguinte, fomentadora da criatividade. Pessoas diferentes podem apresentar ideias diferentes. Nessa perspectiva, uma empresa só ganha. Além, é claro, de passar uma imagem mais humana perante os seus clientes.

Uma das histórias de sucesso é a da Microsoft. Essa empresa valoriza a diversidade e a inclusão. Vale a pena citar a fala de Priscyla Laham, vice-presidente de Vendas da Microsoft: “A Microsoft enxerga uma relação direta entre diversidade de pensamento e lucratividade, uma vez que ideias diferentes em uma mesa trazem inovação e criatividade, de variadas vivências e pontos de vista distintos, o que reflete em novas soluções”.

Segundo o site Valor Econômico, a Microsoft teve lucro líquido de US$8,82 bilhões no primeiro trimestre fiscal de 2019, encerrado em 30 de setembro de 2018. No mínimo, isso mostra que não se perde em investir em diversidade e inclusão.

Por Warley Matias de Souza

Empregos



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *