Vagas para Advogado de Compliance





Saiba as atribuições do cargo de Advogado de Compliance, o que é e média salarial.

Aderir a legislação após a lei anticorrupção ser editada, é uma das principais preocupações das empresas que precisam se ajustar às exigências atuais. Por isso, o mercado para advogados compliance cresce cada vez mais. A demanda por serviços jurídicos, sobretudo consultoria para adequação das empresas às leis e normas vigentes, está em franca expansão. Entenda mais sobre a área.

O que é compliance

Compliance é uma área inteiramente ligada à cultura corporativa de regulamentos, cumprimentos de leis, normas externas e internas das empresas. Em países como o Estados Unidos, esta área já é bastante consolidada, no Brasil o setor cresce conforme o amadurecimento das empresas, da implementação da Lei 12.846/13 e de inúmeros casos de corrupção das empresas. O mercado está cada vez mais favorável e é uma ótima oportunidade para quem quer começar na área. Mas como ser um profissional de compliance? Acompanhe abaixo detalhes sobre como atuar no ramo.




Quais competências um profissional de compliance precisa ter

Há uma escassez de profissionais na área de compliance, que não acompanha a expansão do setor. Para atuar no ramo é preferível que o profissional seja formado em Direito, mas isso não é uma regra. O importante é dominar todos os aspectos técnicos exigidos. Listamos abaixo habilidades fundamentais para atuar como advogado compliance.

Resiliência

O profissional compliance enfrenta situações difíceis em sua carreira, sobretudo para implementar o programa na companhia. Por isso é muito importante desenvolver a resiliência, ser capaz de lidar com as dificuldades, superar desafios e obstáculos resistindo pressões diversas, sem desanimar nem desistir.


Diplomacia

Para ser um bom profissional de compliance é preciso ter um bom relacionamento com todos na empresa, independente do nível hierárquico. É necessário que o advogado compliance transmita informações e orientações do estagiário até o presidente da companhia, sobre como adequar as práticas da empresa às normas do programa.

Persuasão

O compliance muitas vezes precisará convencer os colaboradores da empresa a agir de forma diferente, a mudar o padrão utilizado há muito tempo. Essa não é uma atividade simples e requer muita habilidade e paciência. Persuadir alguém a mudar um comportamento arraigado, requer capacidade de persuasão. É fundamental dominar o conhecimento necessário para mostrar aos profissionais da empresa os benefícios que as mudanças irão trazer.

Comunicação

O advogado de compliance vai ministrar treinamentos e transmitir as diretrizes necessárias para a empresa. Por isso é preciso ter boa comunicabilidade e se bem compreendido pelos colaboradores, adequando a linguagem a cada situação.

Estrategista

Quem atua com compliance deve ser habilidoso e desenvolver uma visão estratégica, sabendo lidar com os cenários que mudam constantemente. Deve manter sempre uma visão ampla e traçando metas menores para atingir o objetivo almejado.

Conhecer a empresa

Conhecer a empresa é essencial para o trabalho do compliance. Saber da sua atuação no mercado, os produtos com os quais a empresa negocia, público alvo, cultura organizacional, como a empresa desenvolve seu trabalho junto aos clientes, todo esse conjunto deve ser analisado pelo compliance.

Cultura organizacional

O profissional de compliance deve conhecer as regras e valores que regem a empresa, quais são as motivações e comportamento dos seus colaboradores e como a empresa demonstra preocupação com bem-estar de seus funcionários.

Conhecendo a empresa o profissional pode aplicar, com confiança, as medidas necessárias para o cumprimento das regulamentações e das leis.

Como trabalhar na área de compliance

Busque por conhecimento, converse com quem já trabalha no setor, leia livros, invista em treinamentos e esteja aberto para aprender.

Para quem quer começar atuar na área de compliance, pode buscar oportunidades na própria empresa em que trabalha. A maioria das companhias gosta de aproveitar os funcionários do seu próprio quadro, uma vez que já conhecem a dinâmica empregada pela companhia.

A remuneração de um advogado compliance vai depender do tempo de atuação e do tamanho da empresa, variando entre R$ 4.600,00 a R$ 15.000,00.

Por Fabíola de Moraes

Advogado de Compliance



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *