Trabalhe Conosco Mackenzie – Como Enviar o Currículo





Conheça mais sobre a Universidade Presbiteriana Mackenzie e como funciona o processo seletivo de empregos da empresa.

Sobre a Instituição

A Universidade Mackenzie é uma organização privada de ensino, confessional e filantrópica brasileira, mantida pela igreja Presbiteriana. Trata-se de uma unidade de direito privado, que não possui fins lucrativos, e foco no ensino de modo geral. A Universidade conta com vários campi, entre eles o Campus Higienópolis, em São Paulo, o Campus Campinas, na própria Campinas, e o Campus Barueri, localizado em Alphaville. Atualmente, a Universidade se encontra sob a tutela do Dr. José Inácio Ramos, na direção das universidades, e do Rev. Dr. Davi Charles Gomes, para assuntos confessionais.

Atualmente, a Universidade Mackenzie ocupa o primeiro lugar no ranking de melhor universidade não pública, e o trigésimo terceiro lugar no ranking nacional. A instituição também conquistou o quarto lugar no ranking de Mercado de Trabalho, a ser considerada como uma dos melhores empregos para se trabalhar. Além disso, segundo a revista Guia do Estudante, a Mackenzie recebeu 5 estrelas para todos os seus cursos de graduação e pós-graduação. A nível internacional, a universidade se encontra em octagésimo quarto lugar no ranking de universidades na América Latina.




História da Universidade Presbiteriana Mackenzie

A história da Mackenzie tem o seu início no ano de 1870, quando os missionários presbiterianos George e Mary Ann Annesley Chamberlain chegam em São Paulo. Nessa época, George Chamberlain era missionário em tempo integral da igreja, e vivia em viagem. Enquanto isso, sua esposa Mary Ann se empenhava nas missões pela cidade de São Paulo, através da educação. Mary Ann dava aulas para 3 crianças na área de sua casa, e usava um sistema educacional de turmas mistas, e não empregava os castigos da época.

Quando a coisa cresceu, em 1971, a escola se mudou para um prédio, na rua Nova São José. Depois desse ano, em 1972, A escola começou a cobrar pelo ensino, e passou a oferecer bolsas parciais e integrais para crianças em uma situação mais carente. Nesse ano, a escola de Mary Ann foi batizada de Escola Americana. Os anos passaram, e em 1876 a escola já contava com o seu primeiro curso de graduação, o curso de filosofia; No ano de 1896, é iniciado o primeiro ano letivo da Escola de Engenharia Mackenzie, construída sob ordens do testamento do advogado estadunidense John Theron Mackenzie, que tinha ouvido falar da Escola Americana. Em 1940, a universidade começou a implantar novos cursos e unidades, como uma atualização do curso de filosofia, e a implementação do curso de ciências e letras.


Como trabalhar na Mackenzie

A Mackenzie não trabalha com nenhum tipo de processo seletivo para a contratação, e também não dispõe de muitos requisitos. Basicamente, a empresa só pede um currículo básico e um curso superior completo. Existem vários cargos que mudam constantemente de funcionários, e esse pode ser um bom meio de entrada para quem deseja trabalhar nessa instituição. Não quer dizer, todavia, que o candidato será obrigado a participar do rito de rotatividade da empresa, isso vai depender do perfil profissional do contratado.

Currículos podem ser deixados presencialmente em qualquer uma das unidades, ou enviados pela plataforma de contratação (www.mackenzie.br/colaboradores/trabalhe-conosco). Depois disso, é só esperar. Independente do polo que o candidato tenha deixado o currículo, depois da seleção, ele poderá escolher em qual unidade deseja trabalhar.

Atualmente, existem demandas para as áreas de psicologia, para atendimento de aluno, compliance, para estagiar como, e TI, também para estagiar, esse último tópico exclusivo para alunos que já estudam na Mackenzie. A Universidade Presbiteriana Mackenzie trabalha para ajudar, não apenas as causas religiosas, mas também para aprimorar a comunidade civil. A organização já formou, e continua formando, grandes representantes do Brasil para o mundo.

Por Davi Soares

Universidade Mackenzie



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *