Para ser um bom líder é preciso saber elogiar seus funcionários. Um dos fatores mais relevantes para os funcionários ficarem motivados no trabalho é o reconhecimento de seus superiores, estando acima, até mesmo, de recompensas financeiras.

Muitas características são essenciais na rotina de um líder, dentre elas a capacidade de relacionamento, a própria liderança e a firmeza ao lidar com os funcionários subordinados, a boa capacidade de comunicação, mas nenhuma delas tem tanto impacto sobre a vida dos seus funcionários quanto um simples elogio. Um elogio dado na hora certa pode ser um grande fator para que você seja considerado um bom líder.

Um dos maiores motivos de motivação dos funcionários ainda é o reconhecimento de seus superiores, que para alguns funcionários pode estar acima, até mesmo, das recompensas financeiras. Portanto, sempre que possível elogie e motive seus liderados, para que eles estejam motivados e façam um bom trabalho.

Um líder que elogia, estreita a relação com seus funcionários, transparecendo uma imagem de segurança para eles, evitando os desconfortos que possam vir com esse cargo. Um funcionário bem incentivado se sentirá próximo e confiante para tirar suas dúvidas com você, ou pedir ajuda sempre que necessário.

Ao contrário do que algumas pessoas projetam, um bom líder tem muito mais funções do que realmente conhecemos: é ele quem ajuda o funcionário, dando apoio em suas falhas, para depois cobrar resultados. E se depois desses incentivos os resultados obtidos na sua equipe forem satisfatórios, não hesite em elogiar o seu subordinado. Essas atitudes farão do ambiente de trabalho um local leve e agradável e propício a novos desafios.

Seu funcionário só irá reconhecer e respeitar seu poder de chefia, se você respeitar e reconhecer seus pontos fortes e qualidades. Ser um líder é uma responsabilidade muito grande. É você que deve conduzir uma equipe até o sucesso. Em suas mãos está todo o potencial dos seus funcionários. Você é o técnico desse time: se forem bem guiados, sua empresa colherá os frutos, e vocês irão facilmente encontrar o sucesso, caso contrário, tanto sua imagem como líder, como os resultados de sua equipe serão afetados.

Por Patrícia Generoso


Alguns fatores influenciam na permanência do funcionário na empresa.

Não é fácil para uma empresa agradar todos os funcionários, saber dividir as responsabilidades, as relações interpessoais e os lucros são tarefas que todas devem fazer para que a empresa funcione perfeitamente. Para isso, é preciso ter funcionários satisfeitos e com vontade de trabalhar, mas como manter os funcionários em uma empresa? Separamos algumas dicas para você aprender um pouco sobre o assunto.

– O ambiente:

Uma parte essencial para todos trabalharem bem é ter um bom ambiente criado, salas muito fechadas e sem janelas podem estressar mais alguns funcionários, além de causar, para alguns, a sensação de estar trancafiado. Pode até parecer exagero, mas muitos se sentem assim, tente usar o melhor possível do espaço que você tem disponível para sua empresa.

– Relações interpessoais:

Talvez a parte mais importante e também a mais difícil, um ambiente com pessoas simpáticas e descontraídas é sempre preferível a um ambiente cheio de estresse e pessoas de cara fechada. Porém, é muito frequente que donos de empresas não entendam que para mudar a forma como as pessoas agem dentro de sua empresa, eles devem mudar suas formas de tratar seus funcionários, pois é um exemplo para os outros e uma base de como é o comportamento naquele determinado ambiente.

– Saber balancear suas regras:

Muitas vezes empresas usam as regras mais para reprimir funcionários que não conseguem produzir do que para ajudar seu funcionamento geral. Isso é usado por muitos lugares e é preciso ter cuidado ao colocar regras rígidas demais sem motivos, isso pode deixar os funcionários receosos e tirar deles o prazer de trabalhar naquele local.

– Sensação de que seu trabalho vale algo:

Em entrevista dada ao Bloomberg, o vice-presidente sênior de RH da Google, Laszlo Bock, disse que as pessoas querem mais do que ganhar dinheiro. Isso significa que além de ter seu trabalho recompensado financeiramente, elas também se sentem gratificadas vendo que conseguiram produzir algo de relevante. Todos nós gostamos de nos sentir úteis de alguma forma.

Por Tom Vitor de Freitas





CONTINUE NAVEGANDO: