A carência de serviços básicos é uma das principais características do povo brasileiro, mas também um nicho de mercado em expansão. Na área de saúde e educação, projetos do terceiro setor estão constantemente com vagas abertas.

O site do Grupo de Institutos, Fundações e Empresas (www.gife.org.br) mantém dezenas de oportunidades para quem tem preocupações sociais como projeto de vida.

Assistente de serviço social, educador social, coordenador de pedagogia, professor de ballet, recepcionista, psicólogo, psiquiatra infantil, terapeuta ocupacional, fonoaudiólogo, dentre outros, são os trabalhadores que podem encontrar empregos nas iniciativas de ONGs e fundações. Há também vagas para estagiários.

A maior parte das oportunidades está na grande São Paulo, mas encontram-se alternativas em demais Estados.

Clique aqui e confira as diversas oportunidades disponíveis para trabalho na área social.

Por Karina Gonçalves





CONTINUE NAVEGANDO: