Mesmo em meio a crise no país a profissão de professor resiste fortemente. Enquanto muitos jovens mergulham nos estudos e cursos na área de  administração,  faltam pessoas interessadas em querer trilhar o caminho dos professores, o que sem dúvida é necessário.

Dados estatísticos que revelam indicadores de profissões, mostraram que atualmente são poucos os que se interessam em ingressar na profissão.

Com o crescente aumento de escolas, é cada vez maior a necessidade de professores para preenchê-las. Em alguns lugares do país há carência de professores. Os motivos apontados pelos próprios professores que deixaram de lecionar é a falta de reconhecimento pelo trabalho e o pouco retorno de investimento.

Porém, autoridades que já avistaram essa necessidade, incentivam  a formação de novos profissionais na área com cursos de licenciatura online e bolsas de até 100% em instituições de ensino superior para cursos na área da educação, como pedagogia.

Terá espaço no mercado nos próximos anos quem se preparar para lecionar.

Acesse os sites http://uab.capes.gov.br ou www.mec.gov.br para obter mais informações sobre os cursos de formação para professores.

Por Zilmara Filisbelo





CONTINUE NAVEGANDO: